Contornando as derrotas

Depois de observar o comportamento dos profissionais envolvidos em derrotas inesperadas – como a da seleção brasileira de futebol, na Copa de 2014, a dos Democratas, nas recentes eleições dos EUA e a da seleção brasileira de slalom, nas últimas Olimpíadas de Inverno – senti-me obrigado a dar (mais) alguns conselhos para ajudar os profissionais a contornar possíveis futuras derrotas. Aqui vão eles:

  1. Quando acusado de alguma derrota, não admita nada antes de falar com o seu advogado. A Netflix tem o endereço de um ótimo advogado, o Dr. Saul.
  2. Mas você pode adiantar, sem medo de errar, que foi vítima de alguma armação ou golpe.
  3. Também, sem medo de errar, pode acusar árbitros, torcidas organizadas, terroristas, estupradores, pedófilos, imigrantes, mídia. Com certeza, algum deles tem alguma culpa no cartório.
  4. Como uma carta na manga, você pode alegar que teve a visão encoberta pelos malfeitos à sua volta. Este funciona, especialmente, quando se tratar de uma derrota em competição de tiro ao alvo.
  5. Se o chato do seu interlocutor ainda não estiver convencido de que você não é um perdedor, diga, como se estivesse revelando um segredo, que deixou o adversário ganhar porque você não estava interessado na vitória.
  6. Não se esqueça de por a culpa no sistema, seja lá o que isto signifique.
  7. Lembre-se que “saber perder” é um dos saberes que ninguém gosta de exibir aos outros. Muito menos com frequência.
  8. É curioso como eu consigo enunciar as minhas regras ou conselhos sempre em 10 tópicos.
  9. Acho que isto é um outro mistério …
  10. … da natureza.
Anúncios

Um comentário sobre “Contornando as derrotas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s