Reflexos

Quem já esteve diante de um jogo de espelhos ou já teve um daqueles brinquedos que refletem a luz por um conjunto de espelhos ficou extasiado com a infinidade de imagens reproduzidas. É o reflexo do reflexo em funcionamento que dá a amplitude infinita da reprodução. Algo atuando sobre si próprio numa cadeia sem fim.

Não é só o espelho que produz esse fenômeno. É possível pensar, por exemplo, em uma pintura do próprio pintor em ação. Nela, a tela sendo pintada aparece numa sucessão infinita até não ser mais percebida ao atingir um tamanho minúsculo. Uma câmera de filmagem focada na imagem produzida por ela também produzirá uma sequência infinita de imagens.

Enfim, é possível imaginar várias situações similares à do espelho que produzem a sequência infinita de imagens e em todas elas a causa é sempre a mesma: algo atuando sobre si próprio, seja o reflexo do próprio reflexo ou a pintura da própria pintura ou o filme do próprio filme.

Embora não produzam uma série infinita de efeitos, outras situações podem ser imaginadas em que acontece essa autorreferência (algo que atua sobre si próprio). Por exemplo:

  • Uma canção pode falar da própria canção, como “A última canção”, de Paulo Sérgio e Antônio Marcos.
  • Pode-se perguntar, por exemplo, o que seria a morte da morte e a resposta é clara: a imortalidade.
  • A resposta a “Quem governa o governo?” deveria ser “O contribuinte.” (Fala sério!)
  • A fotografia da fotografia é um ótimo processo para recuperar imagens antigas.
  • A televisão da televisão é um mecanismo de autopromoção muito utilizado pelas emissoras de TV.
  • A propaganda da propaganda é o mecanismo de marketing das agências de publicidade.
  • E por aí vai.

Deixei para o fim os dois casos que considero os mais importantes: a “vida que produz vida” e a “mente que controla a mente”. O primeiro é o que deu origem à humanidade e tende a prolongá-la indefinidamente. O segundo é o processo de introspecção que chamamos de consciência. É curioso notar que – excluindo a possibilidade de uma catástrofe natural – o primeiro só terá sucesso se o segundo assim o permitir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s