Salva-vidas

Estou lendo o livro “Perdido em Marte”, de Andy Weir, uma ficção científica indicada pela revista Veja da semana passada, que conta a história de um astronauta tomado como morto pelo restante da tripulação e abandonado em Marte. Até onde li, é uma história que pode ser melhor apreciada por quem tem interesse em plantar batatas ou produzir água no deserto. Neste sentido, o livro serve como um manual.

A história lembra também o filme “O náufrago”, com Tom Hanks. Ambos remetem a um problema do ser humano, muito comum e extremamente grave, que é a falta de perspectiva na vida. Pode parecer que essas histórias tratam da solidão, mas acho que o alvo principal é a falta de perspectiva. Em ambos os casos, o personagem não tem nenhuma motivação para continuar vivendo e isso é mais deprimente do que a falta de companhia. Não há esperanças de que a sua curta vida pela frente lhe traga qualquer conforto. É fácil a qualquer um entregar os pontos nessa hora.

Mas os personagens não se entregam! Alguma coisa, por mais insignificante que seja, pode se transformar em um objetivo salvador. No caso do náufrago, é uma encomenda Fedex que deve ser entregue ao destinatário. No caso do astronauta, é uma futura missão que está programada para chegar a Marte, ainda que só daí a 4 anos, quando o astronauta já estará morto por inanição.

Não quero escrever um texto de autoajuda para essa situação (falta de perspectiva) porque não tenho a menor ideia de como sair dela. E acho que ninguém tem, sozinho. É preciso de ajuda externa, de outros. Somos todos náufragos e salva-vidas ao mesmo tempo. Quando se está afogando procura-se desesperadamente por algo em que se agarrar. Quando se está na margem a obrigação é de atirar objetos na água (de preferência boias), na maior quantidade possível, para o que está se afogando. E é sempre bom lembrar que as posições podem se inverter um dia.

(A parte do livro em que o astronauta utiliza as próprias fezes para adubar as batatas não é muito agradável. Eca!)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s