Eternidade

Estrelas da noite se escondem de dia

Talvez com medo do sol ofuscante.

Nada disso teria tanta magia,

Sem o enxergar do homem pensante.

 

Sol, chuva, neve, frio e calor,

Tempo passado, futuro e presente.

Nada disso teria tanto valor,

Sem o sentir do homem pensante.

 

Gravidade, forças, leis da natureza,

A mover um universo pulsante.

Nada disso teria tanta beleza

Sem o saber do homem pensante.

 

Está aqui o propósito, presumo,

Da grande obra em exposição:

O ser pensante é só testemunho

Pra dar valor a tão bela criação.

 

Não! Pode ser outra a conjectura.

A grande e bela obra aqui referida

Poderia bem ser só uma moldura

Pra dar mais brilho à nossa vida.

 

Quer neste ou naquele sentido,

O propósito estará sempre presente.

Só não se imagina ter ocorrido,

De um Criador ter ficado ausente.

 

A ciência me convence, porém,

Que o que é não continuará assim.

E, em uma data, de hoje bem além,

O mundo acabará por ter um fim.

 

Mas isso não faz muito sentido

E esse fato é o que me angustia.

Por que Ele pode ter querido

Dar fim à grande obra algum dia?

 

Dos seus mais variados anseios,

Ao homem, um é fundamental.

Não importam quais fossem os meios,

Ele faria tudo pra ser imortal.

 

Entretanto há um pequeno senão

Para que a tal obra seja perene.

Pois ser efêmera é a condição

Pra se lhe dar um propósito solene.

 

E então, quando tudo acabar,

Que fim terá todo esse espaço?

Será a hora exata de Ele iniciar

Nova obra em mesmo compasso.

 

Findo um projeto, outro há de vir.

E o mundo terá sua continuidade.

É só assim que se pode concluir

O que de fato seria a eternidade.

Anúncios

Um comentário sobre “Eternidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s