The big bang theory – a série

Ganhei de minha amiga Guiga, de presente de aniversário, o livro “The Big Bang Theory e a Filosofia” (Ed. Best Seller, 2013). Li e gostei muito. Trata-se de uma coletânea de artigos de diversos autores que procuram explicar, sob o ângulo da filosofia, o que acontece na série humorística de TV “The Big Bang Theory”. Àqueles que ainda não leram esse livro quero fazer alguns esclarecimentos. Em primeiro lugar, não é necessário que o leitor tenha acompanhado a série na TV para entender o livro. Eu sou um seguidor assíduo da série e, portanto, sou suspeito para fazer essa afirmação, mas garanto que os textos são bastante esclarecedores do caráter dos personagens e os diálogos engraçados que são reproduzidos no livro são auto-explicativos, de modo que o leitor não sentirá falta de não ter visto o seriado na TV. Em segundo lugar, o livro não é sobre ciência, ou pelo menos não de um modo que não seja acessível ao leigo, mesmo àquele que não faz idéia do que seja o Big Bang. É, em grande parte, sobre o comportamento humano, retratado pelos personagens mais estapafúrdios do seriado, na maioria nerds que procuram achar o seu lugar na sociedade. Fala sobre amizade, ética, virtude, religião e … ciência. Tudo analisado sob o ponto de vista de filósofos antigos e contemporâneos com o objetivo de entender os personagens da história. É óbvio que a série de TV tem por objetivo fazer o espectador rir, mas tenho para mim que o seriado deixa uma mensagem bastante clara que é a de que as diferenças pessoais – especialmente entre os indivíduos com “sabedoria teórica” e os com “sabedoria prática” – devem ser aceitas e respeitadas para que as pessoas vivam em harmonia. E o livro ajuda a reforçar essa mensagem.

Anúncios

2 comentários sobre “The big bang theory – a série

  1. Caro Caco, fiquei lisonjeada com a menção do meu nome no seu artigo e muito feliz por ter acertado na sua leitura. Elogios vindos de tão sábio leitor provam que minha procura por um singelo presente deu certo. Abraço, Guiga

  2. Amigo Caco. Que saudade da sua pessoa, do companheiro de Tenis, dos ensinamentos, etc. Gostei muito de sua explicação. Acho que agora posso ler esse livro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s