Os dez mandamentos da natureza

  1. Não deixe de tentar Me entender mesmo sabendo que nunca conseguirá. (aos cientistas)
  2. Não procure ver em Mim bondade, maldade ou propósito, apenas indiferença. (aos supersticiosos)
  3. Perdoe-Me sempre que Eu agir com violência. (aos intolerantes)
  4. Atribua a Mim tudo o que você considera obra do acaso, mas lembre-se que não o fiz de propósito. (aos estatísticos)
  5. Nunca deixe de Me utilizar como inspiração para produzir uma obra de arte; assim que produzida, ela passará a fazer parte de Mim. (aos artistas)
  6. Não Me considere responsável por seu destino; você é quem está no comando. (aos fatalistas)
  7. Não Me deprede sem um bom motivo; você tem a capacidade de saber quando um deles surge. (aos predadores)
  8. Busque sempre integrar-se a Mim; não há outra alternativa viável. (a todos)
  9. Nunca Me coloque acima da humanidade. (aos ambientalistas)
  10. Nunca Me confunda com Deus. (aos ateus e agnósticos)
Anúncios

3 comentários sobre “Os dez mandamentos da natureza

  1. Caco, acredito que o nosso problema é não nos considerarmos “natureza”. Ao menos é o que parece. Somos todos filhos da grande explosão, portanto naturalmente indissociáveis. Porém, comportamo-nos como espectadores cada vez mais passivos ao assistirmos o tempo e a história passarem por nós. A natureza, incluindo os homens, opera de forma interdependente. A suposta independência do homem e o controle da natureza é a maior das ilusões a que fomos condicionados. O desequilíbrio das nossas relações com a natureza nos imporá um limite, mesmo que muito tempo ainda se passe. O oitavo mandamento resume bem o que penso: “Busque sempre integrar-se a Mim; não há outra alternativa viável”. (aos realistas).

    • Paul,
      Você tem toda razão. Nós fazemos parte da natureza, embora o texto não afirme isso. Com a separação eu quis salientar a importância do homem e a sua responsabilidade, visto que ele é a única “coisa que pensa” no universo. É como se a mãe “Natureza” estivesse falando ao seu filho “Homem”: você tem condição de se virar sozinho, mas não se esqueça da sua origem!
      Abs.
      Caco

  2. Caco amei, vai servir para a minha campanha de 2012 para o Projeto de Educação Ambiental do Município de Seropédica, obrigada Tai

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s