Falso Epílogo

          Quando pensei em criar um blog eu tinha apenas a intenção de publicar alguns textos que eu já havia escrito (cerca de dez artigos) abordando questões filosóficas sobre ciência e religião – em especial sobre a evolução das espécies – misturando-as um pouco com ficção científica. O título principal, “Sobre criadores e criaturas”, foi escolhido porque tais assuntos levam, invariavelmente, à ideia de um Criador (ou criadores) e suas criaturas.

         Com o passar do tempo, fui incorporando outros textos que foram escritos mais tarde, seja para dar uma sequência àqueles já escritos, ou motivado por assuntos que me chamaram a atenção em certo momento. Assim, escrevi algumas resenhas sobre livros que eu lera recentemente (outros não tão recentemente) e comentei a série Lost (2 artigos).

         Desde o princípio eu tinha a intenção de iniciar o blog com um artigo intitulado “Gênese” e encerrar com outro intitulado “Apocalipse”. O primeiro, evidentemente, já estava escrito na época em que iniciei o blog, mas o último ainda não havia sido escrito e eu não tinha nenhuma idéia de como ele seria e, muito menos, de quando seria escrito. Neste momento, é curioso mencionar que quando escrevi o último texto, logo depois de Aurora Boreal, eu não tinha pensado ainda em um título para ele. Depois que o terminei me dei conta de que o título só poderia ser Apocalipse. E agora? O blog será encerrado?

         No texto introdutório do blog sugeri que ele seria um espaço para eu expor algumas idéias extravagantes com o intuito de provocar discussões sobre os temas focados. Desse modo o blog não precisaria necessariamente ter um fim planejado; enquanto houvesse idéias a expor o blog continuaria. (Evidentemente, eu sempre imaginei que haveria um limite e esse limite poderia não estar muito longe.)

         Agora, como uma solução de compromisso, digo que foi encerrada apenas a primeira temporada. O blog continua e outras temporadas virão, espero que com artigos melhores. Penso em dar aos futuros textos uma conotação menos filosófica e mais informativa, limitando-me a comentar sobre fatos curiosos, fazer resenhas de livros, chamar a atenção para novidades e informações referentes aos assuntos que caracterizam o blog. Na verdade, não tenho ainda nada específico em mente, mas vou imitar os últimos dizeres de 2001, uma odisseia no espaço: “Eu pensarei em alguma coisa”.

         Até breve!

Anúncios

6 comentários sobre “Falso Epílogo

  1. Nao pare nao Dias.
    Apesar de nao enviar comentarios, leio todos que vc me manda.Uns sao dificies,preciso ler duas vezes,mas sao bem interessantes.
    Abraco.

  2. Por favor, Caco, se voce parar, para quem eu vou enviar meus sinceros comentários ?
    Às vezes ouso discordar ou concordar com tão profundo conhecedor dos “assuntos da criação” mas, de qualquer forma, acabo me informando e me divertindo mais do que qualquer outra coisa. Grande abraço e prepare-se para a nova etapa.
    Guiga

  3. Espero que voce NÃO CUMPRA o compromisso de ser menos filosófico. Ao menos para mim, tem sido essa tua capacidade de discernir sob a ótica filosófica que torna teus blogs tão interessantes. É raro alguém de tua perspicácia e conhecimento científico ser capaz de escrever para um público, muitas vezes, leigo como eu, sobre temas tão espinhosos numa linguagem acessível. Essa tua “tradução” é um alento para quem se interessa pela ciência mas não consegue acessar o que está no âmago dos temas científicos contemporâneos em voga.

    Abraços

    Edinaldo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s